Viagem para Bali na Indonésia

Sabe aquele tipo de lugar que você se apaixona e não se explica? Nossa viagem para Bali na Indonésia foi assim!

Viagem para indonesia bali

Morando na Austrália uma das viagens que passam a ser obrigatórias, com certeza é ir para Bali. Sao apenas 6 horas de voo direto de Sydney e com preços bem acessíveis. Ja vi promoção de passagem ida e volta por menos de $300 dólares pela JetStar.

Na alta temporada acaba saindo em torno de $ 1.000 dólares, o que ainda assim não é nada muito absurdo se comparado ao valor saindo do Brasil e além disso lá o que se gasta com alimentação e hospedagem é muito pouco. Em algumas situações acaba valendo mais a pena ir pra lá do que ficar gastando aqui na Austrália.

Veja aqui como fazemos para viajar quase de graça!

Nos sentimos como reis e rainhas lá com tanto dinheiro!

_DSC0023

Por conta disso tudo Bali acaba sendo um dos destino mais procurados pelos Australianos que acabam se esbaldando um pouco e gerando uma polemica sobre o local. Eles acabam bebendo mais por se barato e como Bali não tem muitas leis quanto a bebida e nem a segurança ou a infra-estrutura que a Australia tem, e eles por não estarem acostumados a serem tão “liberados” acabam se metendo em confusão. Isso quer dizer que tem australiano indo pra lá e morrendo em acidente em acidente de moto porque lá não é obrigado a usar o capacete, ou que cai de algum barranco pela falta de corrimão, morre afogado por falta de salva-vidas e assim vai.

Uma outra polemica é sobre a forma que a Indonesia encara o trafico/uso de drogas porque uns 10 anos atras uma moça australiana foi presa no aeroporto pois encontraram 4 kilos de maconha na bagagem dela. Infelizmente ela não conseguiu provar que não era dela e na Indonesia a pena é de morte para quem é pego com drogas. Inocente ou não, ela ficou na Indonesia por muitos anos. Esse caso chocou a Australia e muita gente questiona a situação.

O que eu penso depois de ter ido para Bali? Use Seal Bag na sua bagagem (que aliás aprovo e recomendo!), mantenha ela sempre com você e evite confusão pois o destino vale muito a pena.

Cachorro sendo “carregado” na moto

_DSC0735

Já ouvi muita gente, principalmente brasileiros dizendo que tem medo de ir a Bali por conta de tudo isso, mas não acredito que seja nada que nós, brasileiros não tenhamos passado no Brasil e sabemos nos virar muito bem.

As vezes morando na Austrália nos esquecemos um pouco que não da pra ficar marcando bobeira por ai, mas em alguns lugares é preciso VOLTAR A SER BRASILEIRO E FICAR LIGADO. Assim como na Tailândia, os balineses querem sempre dar aquele jeitinho de ganhar um pouco mais, seja numa venda ou numa corrida de taxi e esse JEITINHO a gente já conhece muito bem. Não é nada para ficar assustado, você precisa só ficar atento para não ser passado para trás porque isso ninguém gosta, não é?

Logo no início da viagem já me senti muito confortável pois vi varias famílias com criança as durante o voo e após ter voltado de Bali tenho a certeza que é um destino que quero voltar e levaria minha família.

Detalhes do meu roteiro em Bali

  Fiquei um tanto confusa pois as opções de hospedagem são infinitas e os preços muito baixo. Estávamos comemorando nosso aniversário de casamento e decidimos que queríamos algo especial. Acabamos pagando algo em torno de 600 dólares por um pacote cheio de mimos de lua de mel no Vasanti Seminyak. Se valeu a pena? Com certeza sim, mas a primeira dica que vou dar de Bali é que de como você pode aproveitar da simplicidade do lugar.
_DSC0003
Conseguimos alugar um carro COM MOTORISTA (!!!)  por $ 37,00 dólares e essa foi nossa grande sacada pois assim foi fácil ir para vários locais e conhecer tudo o que queríamos com praticidade e segurança. Além de super atencioso, ele fez exatamente o que queríamos e não ficou tentando nos empurrar nenhum passeio. O único problema é que o inglês dele é bem limitado.
Contato do mutorista que eu super recomendo!!!
dica motorista guia bali

dica motorista guia bali

O grande diferencial do destino para mim foram as piscinas de borda infinita e os clubs com excelente infra-estrutura e serviço e é nisso que quero focar meu post daqui pra frente.
piscina borda infinita bali
Bali com certeza entrou numa lista muito seleta de destinos que gostaria de voltar um dia e quando isso acontecer, já decidi que faria exatamente assim:
Procuraria um hotel relativamente simples, porém bem localizado e com um bom quarto. O restante (Piscina, infra-estrutura, serviços adicionais), não importam tanto já que em Bali você tem tudo isso literalmente em cada esquina e a não ser que você não queira ficar se locomovendo, é muito legal ir cada dia num lugar diferente, conhecer gentes e paisagens.
Dividiria minha viagem em 3 partes, por exemplo 10 dias (O que indico como mínimo para aproveitar bem, principalmente se você esta saindo do Brasil e quer fazer a viagem valer a pena).
 Parte 1)  Sul próximo ao Uluwaku – Amei essa região, a atmosfera e as praias.
_DSC0341_DSC0780
Passamos o dia no Blue Point Beach Club por A$ 30,00 por pessoa com almoço, uma bebida, toalhas e uma vista incrível. Essa foi a piscina campeã na nossa opinião.
Ficamos horas observando os surfistas la em baixo naquelas ondas incríveis, e de vez enquanto algumas noivas orientais posando para fotos no mirante (eles adoram isso!).
piscina borda infinita Bali
Ahhh….o pôr do sol
_DSC0723
Mas nao fique so no Blue point…vá um pouco mais embaixo no Bar The Edge…a vista consegue ficar melhor ainda.
roteiro completo bali
Não se assuste com o caminho. É uma mistura de morro do Rio de Janeiro com Koh Phi Phi Island na Thailandia, mas vale a pena! Adorei a descrição do blog A Vida é uma Viagem sobre o lugar. Comprovado!
 Dreamland Beach
 _DSC0047
A praia que mais me impressionou foi a Dreamland. Quando voce chega parece um lugar abandonado e sujo (como a maioria por lá), mas acredite quando chegamos perto, nao consegui acreditar no que estava vendo.

Um espetáculo da natureza! Realmente “a terra dos sonhos”.
Agua azul e forte tão diferente, um mar que nunca tinha visto antes. Lá em cima mais boas surpresas. 3 dólares para usar a piscina, de novo borda infinita (vocês vão cansar de ouvir isso), com toalha.

_DSC0084

Drinks com um preço também muito agradável. Comida para mim sempre é um dos maiores problemas em viagens pois quase não como carne e nada pode ter pimenta, então geralmente passa alguns “perrengues” para comer, e em Bali não foi diferente, mas o legal é que lá tem muito restaurante internacional e é bem fácil encontrar restaurante Italiano, Espanhol e isso sem falar na influencia Australiana. Comi uma das melhores bruschetta da minha vida.!
tudo sobre bali
Também nesta região fomos ver uma dança que acontece todas as tardes num templo com vista para o pôr do sol. Tudo lá gira em torno disso e o top de Bali é escolher sempre um local bacana para aproveitar o seu fim do dia então se programe 😉
dança bali turismo indonesia
A dança foi legal para conhecer a cultura, mas estava muito quente e achei um pouco demorada. Não iria novamente mas valeu para conhecer.
_DSC0224
Outro local que fomos nesta região foi um novo restaurante com piscina (Ok, vc já sabe…de borda infinita), foi o espanhol. Foi o mais caro da região, gastamos os 2 uns 70 dólares e com este valor de dá direito a ficar no local.
_DSC0222
A comida era boa, mas comparado aos outros lugares não achei nada muito diferente. A não ser que você goste de lugares mais exclusivo, ou que tenha bastante tempo, senão vá aos outros clubs da lista pois já estão fazendo um bom trabalho por bem menos.
Parte 2) Seminiak – Nesta região as praias não são tao bonitas mas tem restaurantes e lojas muito boas. Alguns lugares que recomendo:
– Ku De Ta – Local para passar o dia. Servem desde café da manha até  drinks no fim da noite. Chegamos cedo e fomos privilegiados com este local vip para o almoço.
_DSC0452
– Potato Head – Ouvi excelentes coisas deste lugar mas fomos duas vezes e nao conseguimos entrar. Aconselho fazer reserva.  O que me deixou um pouco intrigada é que os caras não deixaram nem aguardar na fila…achei isso um pouco ruim.
– La Cocola – Lindo por do sol. Aconselho reservar para jantar ou somente para drinks. Pode ser um pouco caro para a região mas com excelente serviço.
_DSC0335
– W Resort – Excelente clima para luxuosos drinks durante o dia ou a noite. Se estiver afim de “dress up” esse é o lugar.
_DSC0477
Jimbaram – Churrasco de frutos do mar. Isso sim é que é ir num verdadeiro restaurante pé na areia. O resto é conversa! São vários restaurantes na praia com velas, um do lado do outro, so escolher! Você também escolhe o que vai comer ainda quando esta vivo e eles fazem na brasa. Mais tarde  um grupo fazendo homenagem a cada nacionalidade passa cantando. Perfeito!
_DSC0790
Parte 3) Ubud – Não esperava muito de lá e reservei apenas 1 noite. É aqui que você encontra os mágicos arrozais e digamos, os nativos.
_DSC0977
Por tudo o que eu li e sabia de Ubud achei que seriam poucas casas num lugar tipo interior, na verdade vi lojinhas e cafes maravilhosos, tipo clima de cidade de praia no Brasil, tipos Búzios. Adorei!
_DSC0928_DSC0962
Ficamos no Sri Raith Cottage Hotel por $ 70 dólares com café da manhã. Menos do que se paga para tomar café aqui na Australia. O banheiro era aberto. Um tanto rústico mas uma experiência foi bem interessante.
onde ficar ubud indonesiaonde ficar ubud indonesia
Bakan Temple – Estava louca para conhecer  esse templo no lago. É bem lindo e foi super bacana pois tem uma atmosfera diferente, mas achei um pouco longe. Tem que subir toda a serra que chegar (Se prepare pois por incrível que pareça, lá fica um pouco frio).
_DSC0014
Uma outra região que passamos o dia foi em Nusa Dua onde ficam os resorts, no início a direita e os esportes radicais no final a esquerda (Pelo menos pelo caminho que fizemos).
Não arriscamos os esportes dessa vez, mas gostamos da praia e eu claro, amei caminhar e ver cada um dos hotéis. Ficaria ali se estivesse com crianças e quisesse ficar em um só local.
_DSC0537
_DSC0539
Fomos no templo só no final, pois achei que se não desse para ir tudo bem. Me enganei, o lugar é lindo e merece sim uma visita. As ondas são fortes e fazem um show maravilhoso por lá.
 _DSC0180
Com o motorista queridão!
_DSC0207
Não fiz nem metade do que gostaria de fazer como por exemplo ir para Lovina nadar com golfinhos ou para Gili Island, não vi os vulcões de perto. Por isso com certeza Bali entrou para a seleta lista – Must to go back 🙂
Não teve nada no meu roteiro em Bali que eu mudaria ou me arrependi de fazer. Com certeza o destino me surpreendeu muito com a infra-estrutura, calma dos nativos e de certa forma segurança.
A calma dos balineses me surpreendeu muito. Apesar da loucura do transito ele funcionava suavemente perfeito. Não vimos businaço ou carros batidos, mas sim um pesado transito se transformar em suave a cada curva.
paisagem moto bali  ubud
Resumindo, Se não gastassem os balineses serem pessoas totalmente serenas, sorridentes e gentis e tudo lá ser tão barato, lindo e luxuoso,  Bali tem o dom do encantamento de qualquer lugar que você estiver  só por causa do pôr do sol que oferece todos os dias.
por do sol em bali
CRÉDITOS – Outro blog que usei para montar a viagem é o Nós no Mundo ajudou muito e indico! Não posso deixar também de dar os créditos para a minha amiga Roberta que é uma apaixonada por Bali e me deu todas as dicas cuidadosamente e com o maior carinho.

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Anúncios

11 pensamentos sobre “Viagem para Bali na Indonésia

  1. Pingback: Retrospectiva 2014 – Las Vegas | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  2. Pingback: Kit de Viagem – O que levar? | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  3. Pingback: Feriado de Páscoa no Crowne Plaza Terrigal | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  4. Pingback: Quer ajudar o Blog Viaje pelo Mundo a crescer? | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  5. Pingback: Babymoon, mas o que é isso? | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  6. Pingback: Roteiro para Brasileiros na Austrália | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  7. Pingback: Desafio de blogueiros Wanderlust | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  8. Pingback: 6 Destinos Imperdíveis próximos da Austrália | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  9. Pingback: 6 Destinos Imperdíveis bem próximos da Austrália | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

  10. Pingback: Como usar o Booking.com para hospedagem | Viaje pelo Mundo by Silvia Medina

O que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s