Foz do Iguaçu muito além das Cataratas

Muita gente pensa que ir pra Foz é só visitar as Cataratas, fazer compras no Paraguay e pronto. Até me perguntam se tem coisa pra se fazer em dois dias. Fico um pouco boba com essa pergunta, afinal tem tanta coisa pra se fazer em Foz que eu mesmo que sempre vou nunca dou conta de experimentar tudo.

Te garanto que com um roteiro de 7 dias ainda vai ser pouco pra aproveitar:)

Já contei pra vocês aqui no post de Foz do Iguaçu e também lá no canal quais são os meus lugares favoritos de visitar e comer quando vou para Foz. Não só porque cresci lá e amo a a minha cidade, mas sinceramente acho tudo muito barato e muito gostoso em questão de restaurantes e passeios.

IMG_5509

Minha sugestão principal pra comer algo legal e com bom preço continua sendo no Turrance Hotel, eles abriram o restaurante Le Jardin para o público e esta um arraso! No rodízio de massas aos sábados esta sempre lotado então é bom sempre confirmar o lugar. Pra vcs verem o quando gosto só esse ano fui 3 vezes lá. Tomei café da manha, provei o buffet de sopas e sem falar no cardápio a la cart que também é muito bom.

Levei a família toda, claro!

IMG_5293

IMG_5288

Buffet de Massas – Tive que pegar um pouco de cada rs

IMG_5289

Sopa de Agnolini

Outro lugar que tive o prazer de voltar foi no Fondue do Hotel Panorama. Foi um mix de sentimentos porque meu primeiro trabalho foi nesse hotel e a primeira vez que ouvi falar e provei fondue também foi lá:)

 

Um dos meus lugares imperdíveis é o Clube do Lado de Itaipu com rodízio de peixe – Amo!

Além de tudo delicioso dá vista para o Rio Paraná e o Paraguay

Pra fechar a sessão gordice não poderia faltar falar da Oficina do Sorvete, a sorveteria mais tradicional da cidade e adivinhem? Nosso primeiro encontro foi lá! Por acaso mexendo em algumas fotos achei o registro desse dia tão importante haha

IMG_5473.JPG

Deliciosa opção de “picole quente”

IMG_5321

Quem diria que depois de 13 anos estaríamos aqui do outro lado do mundo com nosso baby.

Nessas últimas férias tirei uns dias de turista pra fazer algumas coisas diferentes, fomos na Itaipu e no novo Marco das Três fronteiras que ficou um espaço super agradável inclusive para quem mora em Foz visitar.

Postei um video no canal com os melhores momentos dos passeios, espero que gostem.

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

O glacial escondido

_DSC0648

Sempre tive o sonho de conhecer alguma geleira ou como também são conhecidos, glaciais, aquelas paisagens azuladas que parecem de mentira geralmente com picos de gelo e icebergs no meio da água.

Quando fomos para a Nova Zelândia em Março deste ano fiquei toda empolgada com a possibilidade de visitar um desses lugares, porém teríamos que fazer um desvio muito grande e arriscado para chegar no Glacier mais conhecido. Pra nossa sorte, um amigo que estava fazendo o mesmo roteiro nos falou de uma outra geleira menos conhecida, mas que não sairia tanto da rota.

_DSC0615

Pra chegar nessa geleira basta ir em direção a vila do Mount Cook e chegando seguir as placas da Tasman. Ele não aparece no google maps mas garantimos que esta lá. Só subir as escadas e apreciar a vista.

_DSC0620

No nosso último video mostramos um pouco da subida de 20 minutos de escadaria pra poder ver o Tasman Glacier na Ilha Sul da Nova Zelândia. Não foi fácil com os 8 kilos extras do bebe mas a vista fez valer à pena.

Espero numa outra oportunidade voltar para Nova Zelândia e fazer os outros glaciais pois tenho certeza que também devem ser lindos.

_DSC0686

Dessa viagem pra Nova Zelândia…ainda teremos muitas histórias pra contar! continuem acompanhando:)

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Dicas de Viagem Internacional com Bebe

Pra quem acompanha a gente por ai sabe que acabamos de voltar da nossa maior aventura de todas, nossa ida para o Brasil com o #BabyViajante e sem o papai que teve que ficar trabalhando.

Fiz um video explicando tudo o que aconteceu na nossa viagem e com algumas dicas de como fazer uma viagem internacional com bebe.

Espero que ajude vocês a decidirem a viajar, e claro ter uma viagem melhor.

Quando paramos em Guarulhos na volta ficamos no Tryp Hotel

Já tinha ficado no Sleep Inn da rede do Slaviero que fica do lado de fora e fiz um post sobre isso já neste post. DessaIMG_5543 vez ficamos no novo hotel da Tryp que fica do lado de dentro do terminal 3 e que só pode ser acessado por quem já fez check-in para voo internacional. Foi um luxo acordar uma hora antes do voo, tomar café e em cinco minutos já estar no portão de embarque! Não tem preço…na verdade tem sim 😂😂😂 a diária é de R$288 com café da manhã incluído mas valeu cada centavo por não ter que acordar de madrugada no frio com bebê pra ir pegar um voo e viajar o dia todo depois. O Hotel foi construído pra Copa e tem uma excelente estrutura.

Nosso café da manhã no Hotel

IMG_0025

Falei um pouquinho também da nossa volta  nesse outro video aqui.

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Guardando dinheiro para viajar e viajando sem gastar muito

Muita gente pensa que pra viajar precisa-se ter ou guardar dinheiro por muito tempo. Isso pode ser verdade em partes.

Já contei pra vocês nesse video como estipulamos algumas metas e como guardamos um pouco de dinheiro para viajar.

Tá certo que quando viajamos contamos só a parte boa disso, mas é importante lembrar que trabalhamos e planejamos muito para que possamos viajar ainda mais. Abro mão de ter uma diarista, não faço mais as unhas ou vou no salão toda semana (quem dirá todo mês), levo marmitinha e picnic pra onde eu posso pra economizar na alimentação (E de quebra como mais saudável), e desisto fácil de uma roupa nova para garantir mais um destino.

Família Viajante feliz na Nova Zelândia sem gastar muito.

_DSC0367.JPG

Quando fiz esse post no ano passado começamos um cofrinho para a próxima viagem. No inicio esquecíamos e não levamos muito a sério, mas este ano decidimos por ele em ação e temos guardado todas as moedas de $1 e $2 dólares australianos para viagem e em aproximadamente 3 meses conseguimos juntas aproximadamente $100 o que deu para pagar 3 jantares na nossa última road trip. Não parece muito mas a satisfação de ter esse dinheirinho guardado me vez voltar animada para a próxima meta e claro, próxima viagem.

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Mamãe de Segunda Viagem

_DSC0342.JPG

Oi Gente,

Provavelmente ao ver esse título você pensou que o segundo bebê poderia já esta a caminho, mas por enquanto essa ainda não é a novidade. Estou apenas me dando um upgrade de Mãe de primeira viagem pra na segunda, ou na verdade terceira ou quarta viagem.

Nosso bebê viajante tem apenas 7 meses e já viajamos 3 vezes com ele. A primeira viagem esta neste post e a segunda aqui.  Também fizemos recentemente uma super  viagem pela Nova Zelândia.

Já viajei muito de excursão com amigos,  a trabalho como executiva e algumas poucas vezes como mochileira, mas nunca me imaginei escrevendo sobre viagens em família ou muito menos viajando com bebês.

Viajamos muito a dois, tivemos incontáveis luas-de-mel e fizemos quase todos os destinos que queríamos antes de decidir formar uma família (ok sempre que completávamos um vinha outro então acho que seria impossível fechar essa lista um dia).

_DSC0329.JPG

Estamos casados a 8 anos e sabíamos que em algum momento das nossas vidas todas as viagens iriam mudar, mas nunca tinha parado para planejar ou mesmo pensar como seria essa realidade. Deixamos acontecer e aqui estamos.

Escolher o destino, onde ficar e a programação com certeza não é mais como antes, no entanto viajar continua sendo nossa prioridade como família pois é o que gostamos de fazer, mesmo que isso nos custe um pouco mais de esforço, planejamento e paciência.

_DSC0500.JPG

Continuem acompanhando a nossa jornada pelo mundo e em especial os próximos dias pelo Brasil onde embarcarei pela primeira vez sozinha com o Baby viajante. Vou  postar o passo-a-passo da viagem de mais de 20h que faremos – fiquem ligados!

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Visitando Christchurch na Ilha Sul da Nova Zelandia

Olá amigos,

Bem vindos a mais um Vlog de viagens da nossa série “Nova Zelândia”.


Dessa vez contamos um pouco da nossa impressão ao visitar Christchurch nossa última cidade do roteiro no país antes de retornar para Sydney.
Fiquei muito mexida e um pouco emocionada com a cidade pois esta foi praticamente destruída por terremotos nos últimos anos. Confira tudo no video.


Apesar de tudo ainda sim gostei muito da cidade e do que vi por lá, organização, limpeza e uma vontade de recomeçar:)

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Visitando o Movie Set do Hobbiton na Nova Zelândia

Mais um video da nossa viagem sensacional pela Nova Zelândia.

Dessa vez visitamos o famoso Set de filmagem dos filmes do Senhor dos Anéis e Hobbiton na cidade de Matamata (Eu sei, o nome é engraçado e fizemos várias piadinhas com isso) na Ilha Norte.

O passeio é um tur guiado que dura aproximadamente 2 horas e custa $79 dolares neozelandeses e com certeza é um dos principais motivos para se visitar a Ilha Norte conforme já contei pra vocês detalhadamente nesse post. Vale a pena ir para a Ilha Norte da Nova Zelandia?

Não era uma fã dos filmes mas achei o passeio super interessante e agora que assistir todos e com certeza comparar.

Espero que gostem!

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Vale a pena ir para a Ilha Norte da Nova Zelandia?

Quando começamos a planejar nossa viagem para a Nova Zelândia não tinha ideia da diferença entre uma Ilha e a outra. Isso é uma das coisas que eu gosto em viagens, a quantidade de coisas que se aprende antes, durante e depois da viagem de geografia, historia e cultura não esta nos livros e curso nenhum te ensina.

IMG_3025

Fiz questão de passar pelo menos 3 dias na Ilha Norte, mas vou ser sincera com vocês, depois que conheci a Ilha Sul gostaria de ter passado todos os nossos 10 dias lá. Não que a Ilha Norte não seja legal, mas pelo tempo que tinhamos e digamos que pelo o quão mais interessante me pareceu a Ilha Sul deveria ter ficado somente lá. Enfim, de qualquer forma um dia iria querer conhecer a Ilha Norte então tudo bem. Agora, pra quem esta vindo de longe como por exemplo do Brasil só pra alguns dias eu fortemente recomendo a ir somente para a Ilha Sul.

IMG_2964

Passeando pelo centro de Auckland

Para vocês entenderem melhor Auckland é a maior cidade do país e como toda grande cidade tem muitos prédios e movimento, mas nada muito turístico.

Ficamos no Hotel Kiwi Internacional que é simples mas bem localizado. Tem quartos pequenos mas acho que é o suficiente para uma noite apenas.Pra falar a verdade achei muito bem organizado para um hostel.

A caminho de Rotorua

IMG_2990

IMG_3010

A 3 horas de viagem fica uma cidadezinha chamada Rotorua que é onde ficamos por dois dias pois tem as Aguas termais e os geysers – Um tipo de  erupção na terra com jatos de agua quente, classificados como digamos que um tipo de “vulcanismo” uma das coisas mais raras e interessantes que já vimos.

Piscina do Holiday Inn Rotorua onde ficamos com piscina de água quentinha. Reparem a fumacinha saindo lá do meio das arvores no fundo do jardim do hotel.

IMG_3019

É possível ver um tipo de piscina natural de agua quente por vários pontos da cidade na rua mesmo ou usufruir deles em hotéis e spas. Também em todos os lugares se sente um cheio bem particular por conta desse fenômeno.

Spa com temperatura da água de 40 graus
_DSC0017

Além disso no caminho para lá tem o famoso Movie Set dos Hobbits que falarei em um outro post.

O que achei bem claro em relação a uma ilha e outra é que na Norte a cultura Maori (Indígena) é bem mais presente enquanto na Sul se vê mais forte os traços da colonização européia.

IMG_3091 _DSC0064

Fizemos um video com um pouquinho da nossa viagem e espero com eles ajudar vocês a terem a sua própria impressão dessa parte da viagem.

Tenho certeza que a Ilha Norte tem muito mais que isso e morando pertinho em algum momento pretendo voltar lá, mas para quem não tem muito tempo acho que é uma boa ideia ir somente para Queenstown que com certeza foi a cidade mais legal da viagem.

IMG_3095 _DSC0115IMG_3089

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Viajando de Motorhome na Nova Zelândia

Viajar pela Nova Zelândia sempre esteve em nossos planos, de motorhome então era um dos meus sonhos. Porém toda vez que tinhamos definir o próximo destino acabava deixando a nossa vizinha para a próxima vez justamente por estar tão perto achava que sempre ia ter uma outra oportunidade.

Isso também acontecia porque sempre dei mais preferencia a destinos mais quentes e de praia. Só que desde que engravidei isso mudou afinal não posso mais só pensar em mim mas sim no que é melhor pra viajar com um bebe e na minha cabeça a Nova Zelândia era o destino perfeito para fazer em família e não é que eu estava certa?

Por se tratar de um turismo de muita contemplação de paisagens (exuberantes por sinal) e não ser um destino de correria mas sim de sentar, tomar um café admirando a paisagem ou sentar a beira do lado pra fazer nada, acaba sendo o ideal para viajar com bebe.

O motorhome então nem se fala. Foi perfeito! Não precisa sair tendo que carregar a sacolada toda do bebe e as mães sabem do que eu to falando. Não precisa se preocupar em voltar pra casa pra pegar nada ou para trocar o bebe ou coloca-lo para dormir, afinal já estamos em casa. Na verdade pra ir ao passeio você nem tira o bebe de casa, fácil assim.

E pra que vocês vejam o conforto que é fizemos esse video mostrando os detalhes internos da nossa motorhome que inclusive saiu quase de graça pois usamos o sistema de relocation. É só colocar no google e aparecem milhares de empresas que relocam vans e motorhomes, ou seja, elas de dão um valor super baixo para que você devolva o carro para alguém que alugou de um ponto a outro. Nós pagamos $5 dolares por dia na nossa :) 

A empresa que usamos foi essa aqui

A viagem foi um sucesso total, esse é só o primeiro post de muitos outros que virão dessa terra encantadora.

Qualquer dúvida deixe nos comentários. Bjs

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!