Passeios com criança em Sydney na Austrália

Muita gente se pergunta se Sydney ou mesmo a Austrália é um destino pra se fazer com criança e nada mais justo que a gente, uma família morando na Austrália pra confirmar isso com propriedade para vocês, mostrando os melhores passeios para se fazer por ir por aqui com os pequenos.

Mesmo antes de ser mãe, tive a oportunidade de receber meu sobrinho de 3 anos para turistar por aqui em 2015  (veja o roteiro deles aqui), e claro, além de toda minha experiência sendo hoje mãe de dois e bater perna por tudo aqui.

Mas o que fazer com criança em Sydney então?

Além da quantidade incontável de praias e parques, locais perfeitos para picnic, descanso e para os pequenos gastarem bastante energia, existem alguns lugares chave para leva-los, como por exemplo o Luna Parque que dá vista para Opera House e além de divertir as crianças vai dar altas fotos.

Sem falar no Taronga ou Featherdale Zoo, o Wet n’ wild parque aquático, as inúmeras piscinas naturais (e artificiais também) espalhadas pela cidade.

Uma das grandes razões para eu afirmar que Sydney é perfeita para se fazer com crianças é por ser super acessível no sentido de que você tem acesso com carrinho pela cidade toda, além de nos trens e ônibus que são super seguros, limpos e pontuais.

E como se locomover com criança em Sydney?

Neste video mostro a gente indo para a cidade com nossos babies de ônibus, o que acaba sendo até um passeio em sí pois é super divertido fazer.

 

Algo que precisa-se ficar atento é que aqui não se pode pegar uber ou taxi sem cadeirinhas de bebê, e o taxi só é liberado sem após os dois anos de idade.

Outra coisa boa é que aqui é muito fácil de se encontrar banheiros públicos (e limpos) nas estações, praias e parques, afinal criança quando chega a hora não dá pra segurar né?

Algo bem legal que fizemos recentemente é ir no Event Cinema Junior onde eles além de passarem filmes infantis (assistimos Frozen 2), eles também colocam sofas especiais e brinquedos em frente a tela, além de fazerem um break de 10 no meio do filme para brincarem e irem ao banheiro.

E onde comer em Sydney com crianças?

Uma grande diferença entre andar nas ruas do Brasil com criança onde em qualquer esquina tem pão de queijo, arroz com feijão e algo que eles gostem é mais fácil, mas muitas vezes quando estamos viajando ou mesmo aqui na Australia é bem mais difícil encontrar comida “de verdade” e que agrade a eles.
Algumas boas opções e que geralmente não tem erro são fish and chips (peixe com batata frita),  Fried Rice (arroz asiático encontrado em quase todos restaurantes e pode ter ovo, carnes, vegetais).

 

australia com criança
Veja também meu post sobre como comer de graça no seu aniversário aqui

Quero também dar destaque aqui aos locais legais de se comer com criança pois como pais o que mais queremos é poder ter um ambiente agradável que atenda a todo mundo, sem deixar as crianças enlouquecerem a gente, não é?

Uma região que eu acho super interessantes é a da Darling Harbour onde ficam o Museu de Cera, Aquário e ainda um Zoológico todos da mesma rede, tem também vários restaurantes, parquinhos com água para os dias quentes, roda gigante e até fogos nos sábados a noite, ou seja dá pra passar o dia todo.

Procurem sempre peloos Pubs e RSL – Tem em quase todos os bairros e oferecem comida boa e com preço justo. Geralmente ter parquinho dentro e algum entretenimento para os pequenos, outra coisa é que dependendo do dia crianças comem de graça 🙂  Alguns deles tem vários ambientes e são até chamados de chamados de hotéis ou bistrôs. A maioria tem uma promoção ou um prato do dia com preços muito bons, as vezes inclusive crianças comem de graça \o/

Um prato que sempre pedimos é o Schnitzel (frango empanado) com veggies.

Alguns dos Pubs que já fomos com criança  e gostamos  muito

Região da City até South/Sul:

The Grounds  – Apesar de muito agradável, esta sempre lotado, então vá com paciência pois vale a pena. Sempre tem alguma programação acontecendo e tem alguns animais de fazenda (porco, galinha) para as crianças curtirem.

São vários ambientes desde café, restaurante e lanches, além de muitas plantas e dependendo do mês uma decoração especial de temas da Disney ou de filmes do momento.

Coogee Pavilhon  – Várias opções em um só lugar e de frente pra praia! Pizzas, sorvetes, frutos do mar e no terraço muitos drinks, mas só pra maiores de 18 anos.

É aquele lugar que você pode ir de biquini direto da praia, ou arrumadinha de salto alto se estiver a fim, dá para todos os estilos – Se bem que acho que acabei de descrever a Austrália no geral rs.

Banksia Bistro  – Comida Excelente e bem aconchegante, tem uma área cercada para as crianças brincarem onde os pais conseguem ver da mesa mesmo.

Região do North Shore/ Northern Beaches:

Newport Hotel  – Mesmo estilo de Coogee mas maior e com música ao vivo (geralmente). Tem vários ambientes e quiosques com diferentes estilos de comidas para todos os gostos. Se puder procure ficar para o por do sol que é lindo.

The Ranch Hotel – Além de excelente deals de comida, um parquinho coberto e uma sala de jogos com fechas.  Sempre tem alguma programação, principalmente nos finais de semana, pode ser Pet Zoo ou Jump Castle. 0ad01c8c-4b38-4686-a6df-a5b3c765c834.jpg

RSL North Ryde  – Tem um super local pra brincar monitorado, custa $6 por criança e é só deixar eles lá e aproveitar. Comida também muito boa, gostei do prato com falafel.

img_2035.jpgsydney

The Tramshed – Tem um dos melhores parquinhos que já vi e um vagão de trem para as crianças brincarem. Fica entre o lago e a praia de Narabeen, uma delícia!

Eden Garden Macquarie Park– Fica um pouco fora da rota turística, porém pra quem gosta de natureza vale à pena, além de ter um café super gostoso, dá pra passar o dia pelos jardins e fica bem próximo ao Lane Cove National Park para fazer caminhadas, andar de barco, etc.

sydney com criança onde ir

No geral, vários parques também oferecem cafeterias próximos aos parquinhos, como esse do Centennial Park bem no meio da cidade. Dá até para Alugar bicicletas tamanho família em frente ao café.

Além disso, se o dia estiver mais fechado e precisar de um lugar para gastar a energia deles, existem vários locais “indoor” para brincar como o Monkey Mania, Sky Zone, Nubo etc. Dá pra encontrar eles em diferentes localizações e inclusive em Shoppings, mas um que gosto muito é o do Moore Park pois também tem outras atividades por lá, inclusive várias opções de restaurantes e aos sábados um Market/Feirinha.

Esses dias fomos conhecer o Kids Day que é uma nova Cafeteria e tem vários ambientes imitando a realidade com área de supermercado, pescaria, e vários objetos da vida real para brincar.

Outro local que ainda não fomos mas que é parecido é o “Wannabees Family Play Town”que faz com que a criança brinque como se fosse bombeiro, médico e entre outras profissões, me falaram que esse também tem em Dubai e é muito legal.

No geral, Sydney além de oferecer lugares incríveis, os parquinhos também não decepcionam, então qualquer lugar que forem com certeza terá algo para agradar a todos.

Playground

picnic em playground coberto na Austrália com bebedouro e muito conforto

Esses são apenas alguns lugares que a gente conseguiu conhecer, mas sei que tem muitos outros, então se puder deixar as suas dicas nos comentários ali embaixo ficaremos felizes em conferir.

Quer saber onde se hospedar em Sydney? Veja nossas dicas aqui. 

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

O que é uma Staycation?

Nas nossas últimas férias para o Brasil decidimos fazer algo diferente e além de aproveitar nossa família, curtir também a nossa querida cidade de Foz do Iguaçu que tem tanto a oferecer,  e claro descansar um pouco.

hotel foz do iguaçu

Essa é uma dica que sempre dou inclusive para quem também é da Terra das Cataratas, ou claro de qualquer outro lugar, e quer fazer algo diferente, porque não tirar uma férias sem sair da sua cidade?

Essa seria a definição de “staycation” que junta obviamente Stay + Vacation = Ficar (na sua cidade) com férias. Já fizemos isso aqui em Sydney e contei nesse post. 

Nesse video mostro para vocês o Hotel Suiça Resort, uma ótima opção para quem quer relaxar e também desfrutar de um ambiente agradável com várias piscinas e uma área de lazer incrível, em especial o espaço kids que também é fenomenal.

Aproveitamos muito o Hotel como vocês podem conferir também lá no Instagram. Eles tem um bar temático super bacana e ótimo pra quem viaja com criança e não quer ficar saindo do Hotel 🙂

Reserve seu hotel aqui pois Usando os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Se você gostou desa dica, porque já não aproveita e reserva o próximo final de semana pra curtir a sua cidade? Com certeza tem muita coisa que você pode aproveitar por ai mesmo sem furar o orçamento do mês nem ter que gastar nenhum dia das suas férias 😉

Roteiro para o Kenya

Hoje teremos um convidado muito especial para falar do Kenya na África, meu amigo Kako Lorini de Foz do Iguaçu e que mora em Londres e como eu, ama viajar.

Espero que gostem das dicas dele abaixo sobre o que fazer no Kenya.

roteiro quenia

Porque ir para o Kenya na Africa (ou Quenia)

Desde pequeno sempre tive um grande sonho de ir pro Kenya na Africa creio que por grande influencia dos animais selvagens andando pela selva livres, pela rica cultura e claro pelo filme “O Rei Leao” 🙂

safari quenia

A capital do Kenya é Nairobi, o que não e exatamente o melhor lugar para se explorer sozinho. Quando comecei a me organizar para ir para la, pesquisei muito sobre as areas

Como é o Visto para o Kenya?

Antes de embarcar você precisa aplicar para o seu visto online e custa $25.00 diretamente pela embaixada do Quenia, a única coisa que exigem seria o endereço de onde voce vai ficar.

visto quenia

O seu email o seu visa quando aprovado geralmente chega em 72hrs no máximo.

E onde ficar em Karen?

Como não sou muito de luxo ou de ficar em grandes hotéis, fiquei em um pequeno hotel na area de Karen chamado Royale hotel Karen que se parece mais uma pousada pois como sabia que ficaria apenas dois dias la, então não me preocupei muito.

Hotel quenia

Um outro hotel que indico muito e o Manyatta Camp que tive a oportunidade de ficar la quando voltei do safari.

 

Para o safari conheci uma companhia que indico muito é o Bruno Safaris pois eles tem várias opções de city tours pelo Quenia, sao muito prestativos e honestos.

Nessa viagem, tive a oportunidade de conhecer uma tribo chamada Masai Mara, visitor o Great Rift Valley, fazer um safari incrível pelo Quenia aonde tive a oportunidade de ver os “Big five” animais na Africa e claro que tive que passer pela pedra aonde o Simba foi batizado e o valley aonde o Mustafa morreu.

musafa quenia

Dicas Gerais para quando for para o Kenya

  • Aproveitem bastante as frutas frescas e agua sempre de garrafinha, a comida e gostosa, mas as vezes um pouco pesada. comida quenia
  • Para se movimentar use Uber, que e o meio mais Seguro, evite taxis nas ruas, ou ate mesmo na saída do Aeroporto, pois muitos deles tentam enganar os turistas com preços mais abusivos.
  • Protetor solar e repelente são essenciais para essa viagem.

pedra rei leao quenia

Aproveite cada minuto, porque cada amanhecer e cada por do sol são especiais e venha com a sua cabeça e coração abertos para entender a linda cultura e as tradições africanas.

Clique aqui para ver nosso post da Africa do Sul. 

*E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Stopover em Santiago no Chile

Sempre que vamos da Austrália para o Brasil e vice-versa, o melhor caminho a se fazer, ou o mais curto é pelo Chile, o que se faz muitas vezes necessário ficar algumas horas em alguma conexão pelo mundo. Já fizemos muito stopovers por ai, dormimos em São Paulo muitas vezes, mas o mais recente foi em Santiago.

Stopover chile

Nós já fizemos esse trecho incontáveis vezes e como temos que ir até Foz do Iguaçu que é onde nossa família mora e realmente a melhor opção é quebrar a viagem um pouco, principalmente quando se viaja com criança (Veja mais dicas aqui). 

Reservamos o Hotel Holiday Inn Santiago que fica praticamente dentro do terminal do aeroporto. Na verdade você precisa fazer a imigração no Chile apesar de Brasileiros não precisarem de visto – só carimbar os passaportes 🙂 e então encaminhar para a saída e atravessar a rua pronto, já esta no Hotel.

santiago chile aeroporto

Essa é uma boa opção para quem pega uma conexão longa, tipo a nossa da última vez que era de 12h, e após um longo voo de 14 horas, nada mais justo que tomar um banho e deitar em uma boa cama pra descansar antes do próximo voo.

Deixei mais detalhes desse stopover aqui

Também é uma opção se você quiser explorar um pouco a cidade pois poderá deixar as malas no Hotel e ir passear caso tenha mais tempo.

hotel aeroporto chile

O Hotel também tem restaurante 24h uma comida muito boa, então nem precisa se preocupar com isso. Deu até pra curtir um pouquinho depois dessas longas horas da Austrália para o Brasil.

stopover santiago

Empanadas Chilenas para entrar no clima do lugar

Eu gosto muito do Holiday Inn porque em qualquer lugar do mundo eles tem o mesmo padrão de serviço, camas e comida.

Para usar no chile sempre levamos dolar americado para usar no Hotel e aeroporto.

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Noite Italiana de Foz do Iguaçu

Foz com certeza tem um dos circuitos gastronômicos mais interessantes do mundo, já que é possível encontrar para comer  da culinária não só da tríplice fronteira, mas também de diversos outros lugares, como a noite Italiana do Hotel Bela Italia.

O número de turistas que a cidade recebe do mundo todo com certeza influencia nessa riqueza multicultural, mas isso também é devido a essa exposição internacional e as tantas etnias que vivem em Foz (mais de 80),  acabam influenciando muito nas opções de onde comer.

Já falei em outros posts que sou de Foz e sendo assim, tive a oportunidade de conhecer dos lugares mais tradicionais de lá, mas também todo ano acabo conhecendo algo novo, por isso fica fácil fazer esse post e contar pra vocês meus lugares favoritos para comer na terra das Cataratas.

View this post on Instagram

Não falei pra vocês que #fozdoiguacu é a cidade da multiculturalidade? Ontem fomos prestigiar a Noite Italiana do @hotelbellaitalia um jantar temático Um jantar temático com o melhor da gastronomia italiana e uma mesa com mais de trinta tipos de 🧀 música ao vivo 🎶 mesa de antepastos, saladas, pães especiais, risoto e pratos quentes e ainda rodízio de massas artesanais 🍝 e uma requintada carta de vinhos 🍷 que você pode escolher pessoalmente na adega climatizada, sem falar das sobremesas!!! Saímos de lá encantados (e rolando), não só pela variedade de pratos, mas com o atendimento e os detalhes até da decoração, realmente mais um local para entrar na listinhas de coisas pra fazer na #terradascataratas para visitantes e também moradores da cidade 👍

A post shared by Travel •Family•Australia (@silviamedinatravel) on

Dessa vez tivemos o prazer de ir na Noite Italiana do Hotel Bela Itália, que fala muito sobre essa herança cultural, afinal não é apenas um rodízio de massas, mas sim uma imersão na cultura Italiana através da comida, das músicas e apresentação de dança, e da atmosfera do lugar com toda a decoração que te faz realmente se sentir na Itália.

Com certeza esse é um dos melhores lugares para se comer em Foz do Iguaçu.

Veja como foi no video que gravamos lá:

Aproveitem pra ver também um pouco do Hotel que ficamos lá, o Bogari que faz parte da mesma rede. Sabe aquele lugar aconchegante, onde você é bem atendido e tem uma super atenção aos detalhes?

Cafe da manhã hotel Foz

Uma ótima opção de hospedagem no centro de Foz, com fácil acesso para todos os passeios e também para andar a pé, com um café da manhã perfeito e o melhor: 3 ôfuros com água quentinha. O que mais a gente poderia querer?

familia crianças em foz

O hotel Bogari nos recebeu de braços abertos (literalmente) e fizemos questão de agradecer com esse post 🙂

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Roteiros de viagens para se sentir num filme

Vocês também gostam de visitar lugares que te fazem sentir dentro de um filme? Me senti assim já em vários roteiros de viagens que fizemos, mas principalmente quando visitamos o cenário do Hobbiton na Nova Zelândia, mas existem muitos outros destinos ou roteiros cinematográficos por ai.

roteiro cinematográfico

Um deles com certeza é Los Angeles, além da cidade já ser toda em torno do cinema com a placa de Hollywood e a calçada da fama, fizemos um tour guiado dentro do Parque da Universal que foi demais.  Contei tudo aqui nesse post e acho que vcs vão gostar.

Já em Las vegas, além de tudo já parecer um filme, é muito comum encontrar personagens como esse do “Se beber não case”

las vegas personagem filmes

E ainda sobre locais cinematográficos, não poderia deixar de falar das praias da Thailandia e várias lembranças de filmes como A Praia, Se beber não case, e o do James Bond que é tão conhecido que até a praia leva esse nome adora.

praia roteiro thailandia

Também não dá pra descartar e falar das praias paradisiacas da Asia e não pensar em muitas cenas românticas, não é?

E não dá pra falar de cenário de filme sem lembrar de New York não é mesmo? A cidade respira cinema!

 

Outro lugar que amei conhecer e me senti super dentro do cinema, mas dessa vez como cartoon foi Vanuatu, que lembra o filme da Moana pois foi baseado em toda a região do Pacífico.

E vocês, algum lugar que foram e que se viram dentro de um filme? Comente ai embaixo e conte pra gente!

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

 

Roteiro no Vietnam – Da Nang e Hoi An City

Continuando nosso Roteiro no Vietnam, depois de sairmos de Ho Chi Min City fomos em direção ao centro do país, para Da Nang num voo direto da JetStar e ficamos no Intercontinental Hotel. 

Roteiro Vietnam

Nosso objetivo era ficar mais no Hotel e relaxar então só saímos do Hotel duas vezes, uma para ir ao mercado (ou feira) de lá e para isso passamos pela linda Dragon Bridge.

ponte dragão vietnam

A outra vez foi para ir na cidade das lanternas, Hoi An que além de ter ruas pequenas e uma arquitetura histórica incrível, quando cai a noite as lanternas de papel dominam o lugar, nas ruas, restaurantes e nos canais que rodeiam a cidade.

hoi an roteiro

Vendedores de frutas, bicicletas e sorrisos por toda parte, é assim em Hoi An no Vietnã.

dicas vietnam

Hoi An com certeza é uma excelente opção para passar o dia, comprar as lembrancinhas de viagem e se deliciar nos restaurantes de comidas típicas e aromáticas do Vietnam.

restaurantes hoi anRestaurante com vista para os canais onde eles soltam as lanternas.

onde comer vietnam

Essa região me encantou muito pois reune um Vietnam calmo com muita natureza, mas ao mesmo tempo muito rico em cultura por todos os lados.

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

 

 

Roteiro Ho Chi Min City no Vietnam

Quando decidimos ir para o Vietnam montamos nosso roteiro baseado em duas coisas: O voo e o hotel que queríamos ficar.

Eu sabia que um dos melhores hotéis do mundo ficava lá e deu certo de pegarmos uma promoção muito boa com a Jetstar (já dei dicas aqui). hotel de luxo

Nosso bebê curtindo a cama luxuosa do Intercontinental Danang.

Pagamos $800 (Eu, marido e filho de 2 anos) numa promoção de retorno grátis até Ho Chi Min City (antiga Saigon) e de lá para Da Nang onde passamos a maior parte da viagem gastamos mais uns $200.

city tour Vietnam

Ficamos apenas dois dias em Ho Chi Min City antes de partir para o melhor Hotel da nossa vida como podem ver aqui. 

Achei que dois dias foram suficientes para a gente se situar um pouco no horário, quebrar a viagem e aproveitar, afinal, quando a gente viaja com criança não dá pra fazer nada sem pensar.

roteiro vietnam com criança

Fizemos um city tour bem legal passando pelo Museu que contava toda a história da guerra do Vietnã e confesso que essa foi muito forte porque além das fotos de toda a parte sofrida da guerra, tinham até algumas pessoas que nasceram com deformidades por causa do famoso Orange gás.

roteiro vietnam

Este rapaz estava vendendo seus artigos dentro do museu, super simpático e pediu pra tirar a foto. Apesar de tudo, muito feliz em conhecer um pouco mais da história deles.

No geral, achei a cidade um pouco parecida com Bangkok, mas um pouco menos bagunçada.

Fomos também no Antigo Correio da cidade construído em 1981 quando o Vietnam ainda era parte da Indochina Francesa. Muita gente diz que ele foi desenhado pelo mesmo arquiteto da Torre Eifel em Paris. 

Falando nisso, tudo lá é uma mistura de França desde a culinária até a arquitetura pomposa, como no hotel que ficamos, o Windsor Plaza. 

hotel ho chi min city

Os quartos tem vários detalhes de madeira e a piscina no terraço dá uma boa vista pra cidade. Com os preços dos hotéis na Asia a gente pode se dar o luxo de ficar num 5 estrelas sem pagar muito e eu super recomendo fazer isso.

Outra parada do tour foi para tomar o famoso café Vietnamita e também esse chá de Ovo da foto, mas esse eu deixei pra próxima 😛

Tour vietnam

Com certeza o Vietnam tem muito mais para mostrar. Não fomos até o norte dessa vez mas já ficou a vontade de ir de novo.

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.

Como funciona um Blog de Viagem

Muita gente me pergunta como funciona um blog de viagens e se dá pra viver disso, e se sim, como dá pra ajudar.

Como funciona um blog

Blog de viagens

A verdade é que se dá sim pra viver de Blog, mas essa ainda não é minha realidade. O que ganho hoje é apenas alguns trocados para investir um pouco talvez num passeio durante a próxima viagem e nada mais disso, mas minha intenção agora com 2 filhos e de licença maternidade é sim fazer com que esse seja um negócio rentável, e porque não um verdadeiro Business.

Mas como esse negócio de Blog funciona?

Um dos principais jeitos de ajudar bem simples e você pode fazer agora mesmo. Vejam essa lista:

  1. Comentando num post ou foto, ou simplesmente curtindo e isso pode ser no face, Instagram ou mesmo aqui no Blog mesmo pois isso faz com que o material tenha um alcance maior atingindo outras pessoas e crescendo.
  2. Compartilhando, enviando ou marcando um amigo nos posts, além de ajudar a gente ainda ajuda a pessoa que pode se interessar pelo conteúdo.
  3. Assinando o nosso canal no youtube (Corre lá fazer se ainda não tiver feito)

https://www.youtube.com/c/SilviaMedina

E o mais principal claro, usando os links dos parceiros, seja para reservar seu Hotel, seguro viagem, ou tantas outras dicas que dou aqui nesse post.

Família viajante

Mas o que realmente me motiva escrever um blog?

Mas no final da história, isso tudo também vai muito além de mostrar um pouco da nossa vida na internet e viajar o mundo, é sobre levar amor, alegria e também abençoar outras pessoas, seja com o nosso simples dia a dia ou então com tudo aquilo que podemos conquistar com muito esforço e trabalho.

Não custa nada pra vcs e Nossa Família de blogueiros viajante agradece 🙂 

 

Roteiro Vanuatu no Pacífico Sul

Se você nunca ouviu falar nesse país chamado Vanuatu não se preocupe, antes de vir morar na Austrália eu nunca tinha ouvido nada sobre esse paraíso do Pacífico Sul também.

Na verdade fiquei conhecendo um pouco mais sobre ele pelo programa de TV Australia Survivor, uma versão do Reality show No Limite,  que per sinal é um dos meus favoritos.

Apenas a 3 horas de voo de Sydney esse oasis de águas cristalinas e mornas foi colonizados por ingleses e franceses o que faz com que seus moradores falem os dois idiomas formando um dialeto próprio.

Como chegar em Port Vila?

Voamos pra lá com a Qantas e foi bem tranquilo. Fomos com o passaporte Australiano que não precisa de visto (faz na chegada), mas pesquisei sobre o Brasileiro e sinceramente achei um pouco confuso então recomendo verificar com eles antes de embarcar certinho.

Veja mais no site da imigração http://immigration.gov.vu/

Outra opção muito comum de ir pra Vanuatu é com os cruzeiros saindo aqui de Sydney que fazem esse percurso, mas dai acredito que por não ficar na Ilha acabasse não se vendo muito.

Mercado em Vanuatu

Quase não saímos do Hotel por estar com criança, mas quando fomos pra essa feirinha no centro foi apenas alguns minutos do Hotel e pegamos um taxi que nos custou tinho $5 dolares australianos.

Essa foto é no mercado na cidade de Port Vila, como podem ver nada muito especial pois o país é muito simples, parece um pouco com Thailandia ou Bali, em contrapartida o hotel que ficamos era maravilhoso com uma estrutura ótima para criança e também super romântico para casais em lua de mel, apesar de eu ter ido grávida (Veja nossa outra babymoon aqui)  e só com o Samuel pois o papai tinha que trabalhar :/

 

 

Não achei nada muito caro em termos de comida e com muita variedade nos restaurantes do hotel e pratos bem internacionalizados (Só comemos lá dentro mesmo) devido a proximidade com a Austrália.

Holiday Inn Vanuatu

Além dos quartos normais ele tem esses Bangalos sobre as águas tipo paisagem de paraíso mesmo combinando perfeitamente com o destino Vanuatu.

Fiz um vlog da viagem e mostro os detalhes desse Hotel maravilhoso (que pode ser reservado por este link sem acréscimo para vocês)

 

 

 

 

Mostro detalhes do Hotel e também a vila principal, além de contar um pouco da cultura que teve muita influencia francesa.

Por ser um Holiday Inn “Resort” tinha muita coisa pra se fazer em termos de lazer e recreação inclusive para adultos.

Ficamos apenas 3 dias mas com certeza foi suficiente pra deixar um gostinho de quero mais 🙂

Gostou dessa viagem? Veja aqui outras opções pertinho da Austrália. 

*E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.