Famílias que viajam o mundo com filhos

Acho super inspirador famílias que viajam o mundo com filhos como essa enfermeira do Travel Mad Mum que passou o primeiro ano da filha viajando pela Asia.

Outro Blog que sigo e admiro muito é o da Dri Everywhere e ela não só viaja com 1 mas com dois filhos pequenos. Vejam só este artigo onde ela conta as viagens que fez com as crianças.

E não pára por ai, vejam só essa Família do Blog Pequenos pelo Mundo que saiu com duas crianças pra ficar 155 dias viajando pela Ásia…estão me dando idéias para o próximo filho 🙂

familia viaja mundo

Acho que com um bom planejamento é possível tirar vantagem do tempo de licença maternidade como já falei em outros posts para viajar mais, mas confesso que até pra mim “a louca das viagens” ficou um pouco pesado conciliar e processar tudo de novo que a maternidade traz com o primeiro filho. Quem sabe no próximo não conseguimos né?

Acreditamos que o melhor presente que podemos dar para nossos filhos é tempo de qualidade com eles e é isso que fazemos quando estamos viajando. Esse artigo fala justamente sobre isso, menos brinquedos, mais viagens!

O artigo explica o que presentes emocionais ou de experiência são melhores para fortalecer relações do que bens materiais.

familia viajante praiaComo sempre, espero mais uma vez ter inspirado vocês a viajar mais. Beijos e até a próxima.

*E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais 🙂

Anúncios

Viajando com bebês

Uma das maiores preocupações quando se esta viajando com bebês é em relação a tira-los da rotina prejudicando o sono e o comportamento deles durante e  principalmente depois da viagem.

_DSC0629.JPGViajamos com nosso bebe desde que ele tinha 50 dias e com isso aprendemos a seguir algumas regras que quero compartilhar com vocês para que sua viagem com bebê seja um sucesso.

  1. Tentamos manter a rotina o máximo possível como a do dia-a-dia mantendo os horários da alimentação e das sonecas.
  2. A rotina da noite principalmente permanece intacta ou seja, mantemos os horários e tudo que fazemos em casa com o mesmo horário para o banho, os mesmos cheiros usando os mesmos produtos de higiene, o pijama, a musiquinha e a forma de coloca-lo para dormir.
  3. Levamos brinquedos novos e usados. O primeiro para criar o efeito surpresa e o segundo para que ele se sinta no ambiente que já esta acostumado.
  4. Damos muiiito, muito, muito carinho, afinal de férias temos mais tempo pra aproveitar nosso fofinho.

Criamos o mesmo ambiente e acreditamos que essa é a melhor forma de aproveitar sem perder os bons hábitos do nosso baby viajante.

Acreditamos também que se desde pequeno acostumarmos ele a dormir em lugares diferentes mas com a mesma base que ele tem, vai ser sempre mais fácil para gente poder correr o mundo por ai.

 

Fizemos vários posts por onde nosso bebe já passou, confiram nossos posts e videos.

insc

 

Não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais 🙂

Caminho de Queenstown para Christchurch

Já postei bastante coisa sobre a Nova Zelândia mas não poderia de forma alguma deixar o registro da cidade mais encantadora desse país, ou porque não arriscar dizer uma das mais incríveis que já conheci lado a da lado com Paris ou Tóquio por exemplo.

_DSC0342

Queenstown é simples, tem ruas pequenas e se concentra toda ao redor do lago, mas tem um por-do-sol fascinante que se desfaz todos os dias refletindo nas montanhas ao redor do lago. Parece uma pintura daquelas que você não explica, tem que ver.

_DSC0277

Como se só o desenho do criador já não fosse suficiente a vibe da cidade consegue deixar tudo fenomenal. Shows aquáticos, atividades esportivas e gente descolada por todo lado.

_DSC0270

Os barzinhos e as opções culinárias também não deixam nada a desejar.

_DSC0302

Parada obrigatória no Cookie Bar que já virou marca registrada da cidade.

IMG_3395

Os hotéis ficam a maioria todos muito perto de tudo então não é muito difícil decidir em relação a localização. Tivemos que dividir nossa estada antes do motorhome em dois hotéis por conta da disponibilidade mas confesso que adoro pois assim conheço mais opções.

Tivemos que dividir nossa estada em duas pois queríamos ficar no Crowne plaza somente mas não tinha disponibilidade para todo o período então ficamos também no Rieges.

Apesar do hotel estar em reforma, achei bem legal. Essa era a vista do nosso quarto para a piscina e montanhas (que não dá pra ver muito da foto).

_DSC0254

Quanto ao roteiro, Queestown não exige muito. É uma cidade pequena pra se caminhar e fazer não muita coisa, só curtir o visual e o clima. Ficaria no mínimo 3 dias. Ficamos isso e então subimos em direção a Christchurch, caminho que se fizer direto pode demorar apenas 6 horas mas levamos 2 dias pois queríamos ir sem rumo parando onde desse vontade, ainda mais viajando com um bebe de 5 meses.

Saimos de Queestown e passamos por Wanaka, Mount Cook, Tasman Glacial e Lake Tekapo.

E foi exatamente como fizemos e faríamos novamente, não mudaria nada do roteiro!

Fizemos um vlog de grande parte da viagem, espero que gostem. Nesse video também mostramos um pouco mais da Motorhome por dentro.

Ufa, acho que deu sobre Nova Zelândia, mas se quiser saber mais confere os outros posts aqui 

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais 🙂

Guardando dinheiro para viajar mais

Muita gente pensa que pra viajar precisa-se ter ou guardar dinheiro por muito tempo. Isso pode ser verdade em partes.

Já contei pra vocês nesse video como estipulamos algumas metas e como guardamos um pouco de dinheiro para viajar.

Tá certo que quando viajamos contamos só a parte boa disso, mas é importante lembrar que trabalhamos e planejamos muito para que possamos viajar ainda mais. Abro mão de ter uma diarista, não faço mais as unhas ou vou no salão toda semana (quem dirá todo mês), levo marmitinha e picnic pra onde eu posso pra economizar na alimentação (E de quebra como mais saudável), e desisto fácil de uma roupa nova para garantir mais um destino.

Família Viajante feliz na Nova Zelândia sem gastar muito viajando de motorhome.

família na nova zelandia viajando

Quando fiz esse post no ano passado começamos um cofrinho para a próxima viagem.

No inicio esquecíamos e não levamos muito a sério, mas este ano decidimos por ele em ação e temos guardado todas as moedas de $1 e $2 dólares australianos para viagem e em aproximadamente 3 meses conseguimos juntas aproximadamente $100 o que deu para pagar 3 jantares na nossa última road trip. Não parece muito mas a satisfação de ter esse dinheirinho guardado me vez voltar animada para a próxima meta e claro, próxima viagem.

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Mamãe de Segunda Viagem

_DSC0342.JPG

Oi Gente,

Provavelmente ao ver esse título você pensou que o segundo bebê poderia já esta a caminho, mas por enquanto essa ainda não é a novidade. Estou apenas me dando um upgrade de Mãe de primeira viagem pra na segunda, ou na verdade terceira ou quarta viagem.

Nosso bebê viajante tem apenas 7 meses e já viajamos 3 vezes com ele. A primeira viagem esta neste post e a segunda aqui.  Também fizemos recentemente uma super  viagem pela Nova Zelândia.

Já viajei muito de excursão com amigos,  a trabalho como executiva e algumas poucas vezes como mochileira, mas nunca me imaginei escrevendo sobre viagens em família ou muito menos viajando com bebês.

Viajamos muito a dois, tivemos incontáveis luas-de-mel e fizemos quase todos os destinos que queríamos antes de decidir formar uma família (ok sempre que completávamos um vinha outro então acho que seria impossível fechar essa lista um dia).

_DSC0329.JPG

Estamos casados a 8 anos e sabíamos que em algum momento das nossas vidas todas as viagens iriam mudar, mas nunca tinha parado para planejar ou mesmo pensar como seria essa realidade. Deixamos acontecer e aqui estamos.

Escolher o destino, onde ficar e a programação com certeza não é mais como antes, no entanto viajar continua sendo nossa prioridade como família pois é o que gostamos de fazer, mesmo que isso nos custe um pouco mais de esforço, planejamento e paciência.

_DSC0500.JPG

Continuem acompanhando a nossa jornada pelo mundo e em especial os próximos dias pelo Brasil onde embarcarei pela primeira vez sozinha com o Baby viajante. Vou  postar o passo-a-passo da viagem de mais de 20h que faremos – fiquem ligados!

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Movie Set do Hobbiton na Nova Zelândia

Mais um video da nossa viagem sensacional pela Nova Zelândia.

Dessa vez visitamos o famoso Set de filmagem dos filmes do Senhor dos Anéis e Hobbiton na cidade de Matamata (Eu sei, o nome é engraçado e fizemos várias piadinhas com isso) na Ilha Norte.

O passeio é um tur guiado que dura aproximadamente 2 horas e custa $79 dólares neozelandeses e com certeza é um dos principais motivos para se visitar a Ilha Norte conforme já contei pra vocês detalhadamente nesse post. Vale a pena ir para a Ilha Norte da Nova Zelandia?

Não era uma fã dos filmes mas achei o passeio super interessante e agora que assistir todos e com certeza comparar.

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Férias foram feitas pra fazer Nada! 

Viajar mesmo de férias dá trabalho. Planejar, executar e partir não é pra qualquer um, com bebê então a coisa fica ainda mais complicada. Tem que ter muita vontade (Ainda bem que tenho de sobra).

 Complementando esse post sobre Mamães tirando férias, estou agora aqui no nosso quarto de Hotel em Terrigal relaxando fazendo uma das coisas que mais gosto depois de viajar: escrever.

 Chegamos agora a tarde, já jantamos, caminhamos na praia e enquanto o meu querido marido Chris cuidava da rotina de dormir do nosso bebê, eu tomei um banho de banheira de quase meia hora com direito a esfoliação e oleos perfumados. Ele cuida da rotina dele todos os dias, mas confesso que em 5 meses não me lembro de ter tido um banho desses.

A diferença é que hoje eu não tenho que aproveitar esse tempinho livre que me resta do dia para sair juntando os brinquedos, copos e roupas espalhadas pela casa, nem engolir o jantar ou dar uma geral na cozinha. Hoje eu simplesmente não tenho nada pra fazer nesse quarto de hotel a não ser relaxar.

E esse é o grande sentido das férias. Fazer NADA ou fazer só aquilo que não faríamos num dia normal, como por exemplo limpar a caixa de e-mail, sentar e ler algo sem pensar no que mais poderia estar fazendo, ou mesmo escrever posts como esse sem se sentir culpada porque tem outros afazeres domésticos ou obrigações pra resolver.

Desligar não é fácil, mas se essa é a única opção (já que não vou sair limpando o quarto do hotel), então descansar acaba sendo uma escolha muito mais leve.

Agora deixa eu dormir porque amanha além de aproveitar o dia acho que vai ter hidratação no cabelo 🙂

***Para saber mais sobre como organizamos nossas viagens e como ajudar o blog a crescer use esse link do Booking.com assim ganhamos uma pequena comissão em cada reserva, sem nenhuma taxa a mais na sua reserva!

Acaba de nascer um novo jeito de viajar

Olá gente, estamos sumidos mas por um bom motivo! Um novo viajante acaba de nascer. Sim, agora não somos mais apenas um casa explorando o mundo, mas uma família com um lindo baby pronto pra sair por ai 🙂

Ensaio fotográfico com 9 meses em Mona Vile – praia do lado norte de Sydney


Se nao bastasse Nosso baby já ter nascido internacional, aqui na Australia além disso ficamos numa numa maternidade que tem um programa que é a nossa cara: O “Little Luxuries” do Prince of Wales hospital em Sydney.

IMG_9032
Antes de dar alta eles te mandam para  uma ala especial do hospital no Crowne plaza Hotel em Coogee, uma das praias mais lindas daqui da Austrália. Não é demais?

Veja um pouco dessa praia nesse video aqui

Tudo funciona exatamente como um hotel, a diferença é que além disso temos uma enfermeira disponivel 24h e alguns equipamentos hospitalares.

Uma exelente maneira de ir acostumando  a nova vida ai poucos sem sair bruscamente dos cuidados do hospital pra casa.   Ou seja, nosso Baby Viajante saiu direto da maternidade para o seu primeiro check-in de hotel. Será que o destino dele vai ser viajar?

 Espero que Gostem e continuem acompanhando nossas aventuras pelo mundo agora em Família 🍼👶💙
Beijos Sil, Chris e baby Sam

Veja aqui nossa primeira viagem internacional com nosso bebê!

*E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais

Babymoon, mas o que é isso?

Pra quem acompanha a gente pelo Instagram e Facebook já sabe que a Família Viaje pelo Mundo esta aumentando. Estamos esperando nosso Australianinho que esta previsto para chegar até início de Outubro.

Babymoon

Estamos casados a 7 anos e apesar de ter filhos sempre ter sido parte dos nossos planos, este projeto sempre acabava sendo adiado por conta de só mais uma viagem que queríamos fazer.  Até que no ano passado chegamos a conclusão de que toda vez que realizávamos uma viagem sonho, logo vinha outra no lugar e assim por diante.

Babymoon

Já tinhamos feito grande parte do que queríamos, afinal mudamos para Austrália, fomos para Europa, Asia, EUA etc etc mas mesmo assim muitas vezes eu tinha aquele sentimento de só mais uma antes de que a bagagem aumentasse de vez. Até que em janeiro desse ano minha irmã veio nos visitar aqui com seu marido e meu sobrinho de 3 anos. Sem contar a longa viagem do Brasil pra cá fizemos várias viagens intensas aqui pela Austrália (Veja aqui) e tudo ocorreu perfeitamente. Pra falar a verdade foi muito bom ter um companheirinho para animar a viagem e sinceramente não deu trabalho nenhum.

Viajando em Família

Não deu outra, férias + empolgação de família = nosso baby foi encomendado 🙂

Dentro de todo o planejamento e as mudanças que vieram nesses últimos meses, não poderia faltar a nossa Babymoon.

Mas o que é isso?

Babymoon nada mais é do que um jeitinho chique de chamar umas curtas férias para casais grávidos, encaixadas em algum lugar entre os enjoos do inicio e antes de que você esteja grande demais pra querer ou conseguir ir pra qualquer lugar. 

Babymoon

Fizemos a nossa com 28 semanas de gestação ou 7 meses. foi bom porque pudemos tirar bastante foto com a barriga, mas foi no limite. O voo de 3 horas já foi um pouco cansativo e se fosse mais do que isso acho que não aguentaria. Se pudesse aconselharia as “moms to be” a fazerem isso lá pelas 20 semanas onde temos mais energia e a gravides já esta estabilizada.

Babymoon

No geral, acho que a idéia de Babymoon é super válida afinal é bom fazer uma última viagem como casal, com romantismo e pouca mala e se preparar para a função que vai ser viajar daqui pra frente por que parar de viajar não dá né?

Postei também no nosso canal no Youtube um video falando no nosso chá de Bebe que foi temático “Uma viagem aos anos 1920” e contando um pouquinho da história já do nosso bebe. Espero que gostem!

Pra quem quer saber mais sobre famílias viajantes indico dois blogs o Ases abordo e o Felipe o Pequeno Viajante são inspiradores.

****

E não esqueçam: Use os links dos parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, SEM TAXAS EXTRAS PARA VOCÊS, e assim ajuda a gente a viajar mais pelo mundo, contar para vocês e nosso trabalho a crescer ainda mais.